twitter
    Find out what I'm doing, Follow Me :)

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Como Joe Cockers

Tem tempos que não escrevo aqui, não façamos disto um diário certo, mas ao vezes o importante é desabafar: é dificil organizar seus pensamentos depois de tanto tempo não sabendo quem você é, simplesmente fui levado pela vida, não me dei conta para onde estava indo. Se estou infeliz? Não, não é isso, é só que, algo está faltando, como se eu tivesse acumulado tantas coisas ao longo dos anos e de uma certa forma não estou conseguindo colocar isso pra fora e isso está me destruindo por dentro, me deixando um vazio, me deixando sem pensamentos sem expectativas, sem esperança de nada. Eu não sei como voltar, houve um tempo em que passei 4 meses preso, me culpei por tudo, ainda parece que estou naqueles 4 meses, nunca sai de lá, o medo me dominou, não consigo dar um passo sequer sem tremer. Tudo isso seria saudade? Culpa? Estou em pedaços, pedaços que não consigo nem contar. O que aconteceu comigo? O que aconteceu com os meus sonhos? Analisando algumas das minhas ideias passadas eu acho que tenho uma dica. Eu me entreguei uma vez, ao medo de perder eu mesmo me perdi, eu não era uma pessoa ruim, mas eu lutei tanto para não perder alguem que acabei perdendo, e me deixei essa pessoa ser unica, foi me dado todas as cartas e eu não soube jogar. Eu acho que aquilo tudo me destrui, me infeccionou. Em 14 de janeiro de 2008, 4 anos atras eu escrevi:

"Não é engraçado quando sentimos que quando tudo nao poderia ficar melhor e se esta totalmente acomodado com sua vida e ela do nada lhe faz uma surpresa?....Exatamente o que aconteceu comigo.....é hilario como de sexta para sabado tudo muda.....mas ao mesmo tempo o medo toma conta..."

Acho que foi ali que tudo começou a desmoronar, eu ainda não sabia o significado da palavra "decepção" e pior, eu saberia por mim mesmo. Passei todo esse tempo rodeado de pessoas mas ao mesmo tempo me sentindo sozinho, nunca realmente me abri com mais ninguem e nem de fato acho que vou fazer. Então como me recuperar, recuperar meus pensamentos, meus sonhos, minhas esperanças? Preciso colocar tudo isso para fora de alguma jeito. Eu não vou deixar tudo isso me definir para sempre. Let The Healing Begin....

@oangelolima

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Somos todo iguais kkkkkkkkkkkkkk








segunda-feira, 4 de julho de 2011




Meio do ano, vamos ficando de férias com bastante tempo de sobra pra pensar, e que sa
udade dá de certas épocas (ok, não sou tão velho assim mas...), ainda tenho 3 dias antes de voltar ao trabalho e como aproveitar?
Quem me conhece sabe que sou louco, fanático por Bleach (joga no Google) e ainda na espera pelo episódio de numero 329, mas do que deu saudade? Daqueles animes
dos anos 90, os bons mesmo dificilmente encontrados (sorte no Youtube), lembro de tarde fodas ao chegar em casa da escola e ver Yu Yu Hakusho, Dragonball Z, Sakura Card Captors, Sailor Moon tudo numa mesma tarde no antes ótimo canal Cartoon Network (serio Ben10 não me excita :D). Matei muita aula só pra voltar mais cedo pra casa pra ver e nunca sem nenhuma nota vermelha, sou um ninja kkkkkkkkkk. Ate meu pai gritava na rua me chamando "vai começar DragonBall" e chorei ao perder meu boneco do Shurato quando eu tinha 7 anos (muita informação :D).

Do que sentimos falta?

Samurai x (Rurouni Kenshin)
Yu Yu Hakusho
DragonBall
CDZ
Shurato
Sailor Moon
Speed Racer
Street Fighter II Victory
Astro Boy
Cyborg-009]
Sakura Card Captors
Monster Rancher



Aproveitar esses ultimos dias de férias pra rever alguns, começando por CDZ e você?

@OAngeloLima

E uma bela segunda pra você!!!!

quinta-feira, 21 de abril de 2011

FATO!!!

sábado, 16 de abril de 2011

Eternas Perguntas Parte I

Velho, mas interessante até hoje:


1 – Onde mora o Chaves?

“Em um episódio, antes da festa de ‘Boa Vizinhança”, numa conversa com Quico e Chiquinha, Chaves revela o óbvio. Que ele não mora dentro barril, e sim em outra casa na vila a de número oito, com outra pessoa, só que Chaves tem a fala cortada pelo pai de Chiquinha no momento de revelar quem é a pessoa, Então já sabemos onde ele mora, agora com quem? Ainda é um mistério.

2 – Qual é o verdadeiro nome de Chaves no seriado?

Mais uma vez isso foi quase revelado. Em outra conversa com Seu Madruga, Chiquinha e Quico. No episódio da casa da Bruxa do 71.Seu Madruga afirma que não se deve dar apelidos as pessoas,então Chaves diz que ninguém o chama pelo seu nome verdadeiro, quando perguntado por Chiquinha qual é o seu verdadeiro nome ele diz:

“-Meu verdadeiro nome é…” E outra vez o garoto é rapidamente interrompido, deixando mais uma incógnita no ar.

3 – Quantos anos deve ter o dono da venda da esquina?

Não se sabe nada sobre esse personagem, a não ser que ele tem uma venda na esquina. Mas não sabemos em qual esquina, já que a rua em frente à vila mudou 3 vezes:
Já foi só uma calçada, depois teve muros baixos uma curva e carros, e por último perdeu a calçada.
O dono da venda da esquina deve ser um senhor centenário já que uma vez ,Seu Madruga, afirmou que quando criança vendia garrafas para ele.

4 – Qual o número do apartamento de Dona Florinda?

Nem sempre número de da casa de Dona Florinda foi o 14. No episódio dos “inseptos”, e no qual Chaves quebra a mesma lâmpada várias vezes, o número do apartamento da Dona Florinda é 42.
E pra complicar ainda mais, no episódio do “filme do Pelé”, do dia de São Valentin e dos Namorados, o número é 24! Esses dois episódios são do final de 1978/79, logo depois de Carlos Villagran sair do Chaves para estrelar seu próprio seriado, Frederico, na Venezuela.

5 – Porque Seu Madruga sempre deveu exatos 14 meses de aluguel?

Se pararmos para pensar o seriado é longo, o que dá a impressão de uma cronologia Mas se pensarmos melhor, veremos que nenhum episódio apresenta continuação, com exceção dos episódios especiais, como o de Acapulco. O que nós faz crer que não há passagem de tempo na série.

6 – Acapulco Ou Guarujá?

Este com certeza é o mais fácil, mas sempre tem um que insiste em fazer essa pergunta.
No primeiro episódio das férias todos dizem que estão indo viajar para o Guarujá, mas no segundo se cita Acapulco, destino real da turma. Essa troca de nomes na dublagem aconteceu por causa de uma antiga determinação do SBT de “abrasileirar” os termos utilizados nos seriados.

Essa determinação apesar de parecer ridícula foi boa, pois através dela vimos um episódio onde há uma aula de história brasileira marcada por celébres frases como:
“O que Cabral fez assim que, pois o pé em território brasileiro?
-“Colocou o outro. Se não ele iria cair.”


7 – O que tem no Chaves que faz todos rirem mesmo sabendo o que vai acontecer?

Mensagens subliminares? Bem, alguns dizem que seria pelo humor ingênuo, a inocência passada sem nenhuma piada machista ou de duplo sentido.


@oangelolima

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Vagando pela ULBRA!!!

video